O que são Drogas?

O que são Drogas?

Uma droga é uma substância natural ou sintética que causa certas mudanças no funcionamento do corpo. Estas alterações dependerão do tipo de droga utilizada, da quantidade utilizada e das características pessoais da pessoa que a toma/aplica. Essas drogas podem geral a dependência química, precisando então de uma Clínica de recuperação para dependentes químicos!

Que tipo de drogas?
Depressores: reduzir a atividade do cérebro. Álcool, sedativos, inalantes, etc.

Estimulantes: impulsionando e acelerando a atividade cerebral. Cocaína, anfetaminas (comprimidos de emagrecimento), cafeína, nicotina

Desorganizador: Mudar a percepção da realidade fazendo o cérebro trabalhar fora dos seus padrões normais. Marijuana, LSD, e Ecstasy.

Porque é que usamos drogas?
Historicamente, os humanos sempre procuraram substâncias que causassem algumas mudanças em seus estados de espírito, percepções e emoções. As razões pelas quais algumas pessoas usam drogas são diferentes. Cada pessoa tem necessidades, impulsos e objetivos que de alguma forma a forçam a agir ou a tomar decisões diferentes.

O que é envenenamento químico?
Seja o que for, ocorre quando uma pessoa perde o controle sobre o uso da droga e sente a necessidade de usá-la mais. Eles sentem prazer imediatamente, mas na ausência de substância, grande desconforto e vacuidade tomam conta. A dependência química é uma doença que faz com que os adictos priorizem as drogas em relação a outras atividades e responsabilidades que eles fazem diariamente.

A vulnerabilidade das crianças e adolescentes
Os adolescentes são vulneráveis não só ao abuso de substâncias, mas também à gravidez, DSTs, violência, abuso sexual e exploração.

É importante não só “fornecer informação”, mas também trabalhar a informação e desenvolver comportamentos preventivos e compassivos.

As crianças adolescentes precisam ser capazes de gerenciar informações não só para sua própria saúde, mas também para o benefício de seus pares e da sociedade.

Estratégias para reduzir a vulnerabilidade dos adolescentes
Enfatizando que se pode obter prazer sem se colocar em perigo e reconhecendo a existência e o direito ao prazer.

Fornecer informação correta e realista sobre a droga (apresentar a droga tal como ela é – uma substância que causa mudanças no corpo).

Evite declarações proibitivas/terroristas (“eles matam, são muito perigosos, estão no caminho sem volta, marginais”). Isto porque estas declarações reforçam o “mito da droga”, estigmatizam o usuário, dificultam a procura de ajuda, fazem o usuário sentir que não merece ajuda, e pior ainda, são irrevogáveis.

álcool
Embora o álcool tenha grande aceitação social e seu consumo estimule a sociedade, ele é uma droga psicotrópica que afeta o sistema nervoso central e pode causar dependência química e mudança de comportamento. As pessoas que são alcoólicos podem desenvolver várias doenças. Muitas destas são frequentemente doenças do fígado. (esteatose hepática, hepatite alcoólica, cirrose).

Álcool e tráfego rodoviário.
O artigo 165 do Código Rodoviário Brasileiro estabelece que beber e dirigir é uma pena muito pesada. As penalidades por esta violação incluem multas, suspensão do veículo e suspensão da sua carta de condução.

O consumo de álcool pode causar graves acidentes de trânsito, resultando muitas vezes na morte de uma pessoa intoxicada ou na morte de outra pessoa.

Os acidentes fatais são mais prováveis de ocorrer à noite e nos fins de semana. Setenta e sete por cento dos acidentes fatais ocorrem entre as 18:00 e as 6:00 horas da manhã.

Os homens são mais propensos a se envolverem em acidentes fatais: em 2002, 78% dos mortos em acidentes de trânsito eram homens e 46% envolviam-se em consumo de álcool.

A maioria das mortes relacionadas ao álcool ocorre entre os 21 e 45 anos de idade.

23% das mortes ocorreram antes dos 16 anos de idade.

37% das mortes entre 16 e 20 anos de idade.

São responsáveis por 57% de todas as mortes entre 21 e 29 anos de idade.

53% das mortes entre 30 e 45 anos de idade.

38% das mortes entre os 46 e 64 anos de idade.

tabaco
A ideia de que o tabaco nada mais é do que as folhas de uma planta (tabaco) é muito simplista porque é triturado e enrolado em papel, mas quando queimado, o tabaco produz fumo constituído por pelo menos 4.800 ingredientes (identificados antes de 2002), 68 dos quais causam cancro, e apenas um, a nicotina, é viciante.

Eles estão expostos ao fumo. (curto, médio e longo prazo)
Irritação nos olhos => Diminuição da capacidade de respiração

Manifestações Nasais ⇒ Infecções Respiratórias em Crianças

Tosse e dor de cabeça => Aumento do risco de arteriosclerose

Problemas de alergia amplificados e Cardiacos => Câncer e Mio de infarto do miocárdio

Post a Comment